jizz tube carlos alba de martinez.
freeporn.com
Cidades

Área duplicada da Ilhéus-Olivença, com 14 acidentes em 18 dias, chega a registrar uma multa a cada dois minutos

Em recente debate sobre mobilidade urbana na Câmara, especialistas definiram o novo trecho como já sendo um dos mais perigosos da Bahia.

Em apenas 18 dias, no período de 20 de junho a 08 de julho, 14 acidentes foram registrados pelas autoridades policiais no trecho duplicado da rodovia Ilhéus-Olivença, em Ilhéus, que vai do Ceplus, na zona sul, à avenida Soares Lopes, no centro. Excesso de velocidade é, disparado, a maior causa dos acidentes.

O número acendeu o sinal de alerta das autoridades e passou a preocupar, também, a Câmara Municipal. Novas fiscalizações foram feitas na rodovia e a Polícia Rodoviária Estadual chegou a registrar uma multa a cada dois minutos na região, por conta de imprudências dos motoristas.

“A fiscalização funciona”, reconhece Peola Paula Stein, professora da área de engenharia da Universidade Federal do Sul da Bahia. Atendendo a um convite do vereador Tandick Resende (PTB), a especialista participou ontem (28) da sessão da Câmara, para avaliar alternativas de segurança que contribuam para a queda destes índices.

Incidentes são maiores

Para Peola, se o número de acidente já preocupa, é preciso ressaltar que o número de incidentes é bem mais significativo no trecho. São casos revelados sem registros de ocorrência. “Não é mais esperado que as normas de infraestrutura de transportes venham associadas a um número tão alto de colisões e capotamentos. Esta situação representa uma falta de políticas de segurança viária que não foram colocadas em prática no trecho da rodovia”, afirma.

A especialista lembra que o pedestre, de todos os usuários da via, foi o mais prejudicado. E denuncia registro de “rachas” planejados por grupos de motoristas durante a madrugada. “O ponto mais crítico situa-se entre a AABB ao Hotel Praia do Sol, especialmente pela ausência de faixas”, relata.

A especialista lembra que medidas de segurança para a rodovia foram debatidas em dezembro, mas não foram colocadas em prática até então. “Isso custa alto para a população”, lamenta. Peola Stein, entretanto, faz questão de destacar a importância da rodovia Ba 001, considerando-a “uma grande obra de mobilidade que atende a toda região”. Para o vereador Tandick Resende, é preciso haver uma união de fatores para se ter mais segurança na região. “Falo em mais consciência dos motoristas que trafegam na área e uma ação mais efetiva das autoridades no sentido de garantir mais segurança através de medidas técnicas, pensadas por estudiosos do tema”. Em recente debate sobre mobilidade urbana na Câmara, especialistas definiram o novo trecho como já sendo um dos mais perigosos da Bahia.

Compartilhe essa notícia

Parceiros

tattooed tgirl blown in twosome.indian xxx