jizz tube carlos alba de martinez.
freeporn.com
Cidades

Docentes da UESC consideram retirada das amendoeiras ´uma ação cruel´

De acordo com a SEMA, a derrubada fazia parte do projeto de construção do plano viário, que dá acesso à nova ponte.

Mais uma importante entidade acaba de se manifestar contra a derrubada das amendoeiras em trecho da avenida Soares Lopes, em Ilhéus. Trata-se da Associação de Docentes da Universidade Estadual de Santa Cruz (Adusc). Na nota, a entidade define a ação como “cruel”, com a Prefeitura demonstrando falta de sensibilidade e de consciência ambiental.

Veja a nota completa:

A Associação de Docentes da UESC (ADUSC) vem a público manifestar repúdio à derrubada das amendoeiras da Avenida Soares Lopes, próximo à Catedral de São Sebastião. A ação realizada pela Prefeitura de Ilhéus na última terça-feira (07), por meio da Secretaria de Meio Ambiente (SEMA), demonstrou falta de sensibilidade e de consciência ambiental.

Além de afetar a qualidade de vida das pessoas, já que a arborização reduz a poluição, controla a temperatura e a umidade do ar, a retirada das árvores também atingiu centenas de maritacas, que utilizam essas amendoeiras como abrigo. Diversos vídeos que circularam nas redes sociais flagraram as aves voando em círculos e tentando se abrigar nas varandas dos prédios.

De acordo com a SEMA, a derrubada fazia parte do projeto de construção do plano viário, que dá acesso à nova ponte. O objetivo era melhorar a visibilidade do trajeto para motoristas e pedestres.

Movimentos e entidades sociais, como a ADUSC, reprovam esse argumento como motivo para uma ação tão cruel. O meio ambiente não pode ser colocado em segundo plano, muito menos em Ilhéus, cidade inserida em um bioma rico como o da Mata Atlântica.

A grave atitude tomada pela prefeitura mostra o quanto as políticas socioambientais precisam ser revistas, para que se dê o verdadeiro grau de importância que essa área merece.

Por afim, a ADUSC divulga uma petição criada por moradores de Ilhéus, que também repudiam a ação e exigem a suspensão imediata da ordem de corte das árvores. Vamos preservar o nosso patrimônio natural!

Clique aqui para acessar a petição.

Compartilhe essa notícia

Parceiros

tattooed tgirl blown in twosome.indian xxx