Esportes

Geninho faz contas e traça meta para livrar o Vitória do rebaixamento

Foto: Glauber Guerra/ Bahia Notícias

Faltam nove jogos para o término da Série B. O Vitória tem 33 pontos e ocupa a 15ª posição na tabela de classificação. Após o empate em 1 a 1 com o Criciúma, no Estádio Heriberto Hülse, na noite da última terça-feira (15), o técnico Geninho fez as contas e traçou uma meta para livrar o time do rebaixamento: mais 12 pontos até o fim do certame.

“Acho que dá, porque temos nove jogos. São 27 pontos. Tenho hoje 33 pontos. Se a cada dois jogos, eu fizer quatro pontos, daqui a pouco chego lá. Preciso aí de mais 12. Se eu fizer, fica bom. Mas sei que é difícil. Não é fácil fazer quatro pontos a cada seis disputados. Porque, quando o campeonato vira…. Já no segundo turno ele fica mais difícil do que no primeiro. Quando ele chega faltando dez rodadas, aí todo mundo entra… Quem está para cair entra na zoa de desespero, quem está brigando lá em cima vem com tudo, o campeonato fica difícil. Não tem mais jogo fácil. Mesmo porque, neste ano, a Série B mostrou uma característica um pouco diferente dos outros anos. Ela está muito embolada. É diferença de um ponto… Você ganha um jogo, de repente, ou dois. Nós tivemos alguns exemplos, como o Guarani. Vinha lá no fundo, ganhou cinco jogos, daqui a pouco estava brigando em cima. O América Mineiro chegou a ser lanterna e está brigando nos quatro. As coisas ficam difíceis. Qualquer equipe que você joga ou está correndo o risco de cair ou brigando para subir. Não tem mais jogo fácil. Você tem que procura somar. Jogo em casa, nem sempre você vai ganhar. Então você se obriga a ir buscar ponto fora para compensar aquele que você perde em casa. Acredito que, nesta performance de somar quatro pontos a cada seis disputados, provavelmente… A gente está conversando na faixa de 45 pontos. Não estou falando mais que isso. Acho que 45, para quem tem, como nós, 33, acho que chega”, afirmou.

O Vitória volta a campo na sexta-feira (18), às 21h30, no Barradão, contra o Londrina. Geninho quer fazer valer o mando de campo. O adversário aparece logo atrás do Leão na tabela. O time paranaense tem 32 pontos e ocupa a 16ª posição.

“Agora temos outro jogo de seis pontos na sexta-feira, contra o Londrina, outra parada, mas melhor, porque é em casa. Se conseguirmos essa vitória, a gente começa a respirar um pouquinho”, declarou.

Compartilhe essa notícia

Parceiros