jizz tube carlos alba de martinez.
freeporn.com
Polícia

Homem suspeito por sequestro é preso em Ilhéus

As investigações foram desenvolvidas pelo Núcleo de Homicídios da 1ªDT – 7ª Coorpin/Ilhéus.

Na tarde desta segunda-feira (3), policiais civis do Núcleo de Homicídios, deram cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva expedido pela 1ª Vara do Júri da Comarca de Ilhéus, contra João Carlos Santos da Luz (Carlinhos ou Da Galinha), 28 anos, natural de Lauro de Freitas.

O preso foi investigado como autor dos crimes de tortura mediante sequestro com o fim de obter informação, homicídio qualificado consumado, homicídio qualificado tentado, porte ilegal de arma de fogo e associação criminosa armada, todos ocorridos no dia 23/02/2021, por volta das 11h30, em um ramal conhecido como Matinha, localizado entre o Condomínio Sol e Mar e o Alto do Nossa Senhora da Vitória, em Ilhéus, figurando como vítimas os irmãos D.S.D. de 19 anos de idade e G.S.D. de 18 anos.

 De acordo com as investigações, os irmãos, moradores do Couto, foram ao Alto do Nossa Senhora da Vitória entregar um dinheiro para uma ex-namorada que estaria grávida e, quando estavam retornando de bicicleta para casa, foram abordados por diversos homens armados que começaram a perguntar se algum deles possuía envolvimento com o grupo criminoso rival, suspeitando de que estariam ali para colher informações. Os dois jovens foram arrastados para a região de mata atlântica, onde passaram por longa e intensa sessão de tortura. Com uma arma de fogo apontada para sua cabeça, D.S.D. recebeu um revólver e, em seguida, a ordem para que executasse seu próprio irmão G.S.D., sob pena se ser morto naquele instante. Ao afirmar que preferia ser executado a executar seu próprio irmão, D.S.D. foi considerado pelos criminosos como uma pessoa de coragem, sendo retirada a arma de sua mão. Até mesmo um artefato semelhante a uma granada foi utilizado para a prática da tortura. Ao decidirem pela execução dos irmãos, iniciaram-se os disparos de arma de fogo contra os mesmos. Ao perceber que seria morto naquele exato instante, D.S.D. de 19 anos de idade, mesmo alvejado por três projéteis, conseguiu correr pela mata até o Condomínio Sol e Mar onde conseguiu ajuda, sendo socorrido para o Hospital Regional Costa do Cacau, onde passou por atendimento médico e recebeu alta. Já seu irmão G.S.D. de 18 anos de idade não teve a mesma sorte e foi assassinado com diversos disparos de arma de fogo.As investigações foram desenvolvidas pelo Núcleo de Homicídios da 1ªDT – 7ª Coorpin/Ilhéus.

Compartilhe essa notícia

Parceiros

tattooed tgirl blown in twosome.indian xxx