jizz tube carlos alba de martinez.
freeporn.com
Política

Justiça decreta indisponibilidade de bens do vereador Tarcísio Paixão

O juiz deu o prazo de 15 dias para que os investigados apresentem defesa preliminar.

O juiz Alex Venicius Campos Miranda, titular 1ª Vara da Fazenda Pública de Ilhéus, decretou a indisponibilidade de bens do vereador afastado Tarcísio Santos da Paixão (PP), do assessor parlamentar Ariell Firmo da Silva Batista e Zerinaldo Marcolino de Sena, num processo da Operação Citrus, desencadeada pelo Ministério Público, que investiga esquema de fraudes licitatórios, com a participação de empresários, que causaram dano aos cofres públicos com possível enriquecimento ilícito dos envolvidos. A decisão do magistrado atende a um pedido do Ministério Público Estadual em caráter liminar, por meio de em Ação Civil Pública. 

Além do vereador, o juiz também determinou a indisponibilidade dos bens dos dois empresários Cleomir Primo Santana e Leandro da Silva Santos, ligados a assessoria contábil e de licitações, contratadas para maquiar documentos para prática de atos ilícitos diversos. A decisão do magistrado também alcançou o servidor efetivo Paulo Eduardo Leal do Nascimento. 

A indisponibilidade dos bens dos investigados decretada pela justiça é de R$ 988.656,29 (novecentos e oitenta e oito mil, seiscentos e cinquenta e seis reais e vinte e nove centavos).  

Compartilhe essa notícia

Parceiros

tattooed tgirl blown in twosome.indian xxx